Título Original: The Heir
Autora: Kiera Cass
Páginas: 390
Ano: 2015
Editora: Seguinte
Gênero: Romance Distópico
Adicione: Skoob
Sinopse:
Vinte anos atrás, America Singer participou da Seleção e conquistou o coração do príncipe Maxon. Agora chegou a vez da princesa Eadlyn, filha do casal. Prestes a conhecer os trinta e cinco pretendentes que irão disputar sua mão numa nova Seleção, ela não tem esperanças de viver um conto de fadas como o de seus pais… Mas assim que a competição começa, ela percebe que encontrar seu príncipe encantado talvez não seja tão impossível quanto parecia.

Série A Seleção 


1. A Seleção (leia a resenha)
2. A Elite (leia a resenha)
3. A Escolha (leia a resenha)
4. A Herdeira
5. A Coroa


A Herdeira é o quarto livro da série A Seleção, escrita pela autora Kiera Cass e publicada pela Editora Seguinte. Os três primeiros livros: A SeleçãoA Elite e A Escolha, são narrados pela personagem America. Porém esse quarto livro é responsável pela filha de Maxon e Meri, Eadlyn.

Finalmente estamos de volta a Iléa e poderemos ver como está a relação de Maxon com America, já que o príncipe, agora rei, a escolheu como sua rainha.
Vinte anos se passaram desde a seleção de America. Nesse livro podemos ver que ela e Maxon governam o país muito bem e possuem uma família maravilhosa, com seus quatro filhos.
Apesar de conseguir governar por ótimos anos, a família real está passando por dificuldades em seu reinado. A população que antes se sentia feliz com o fim das castas e dos ataques rebeldes começou a sentir o peso das consequências ruins que aconteceram com toda essa igualdade social. Muitos cidadãos ainda não conseguem tolerar que pessoas que antes eram de níveis abaixo, estejam no mesmo nicho com os seus. Assim, diversas confusões e problemas surgem em vários cantos do país. Com a situação fora de controle, Maxon resolve bolar um plano de distração. E nada melhor que uma nova seleção para desfocar dos problemas.

Dos quatro filhos, os dois mais velhos são um casal de gêmeos. Mas como Eadlyn nasceu alguns minutos antes do irmão, é ela a sucessora do trono, e também, que terá que escolher entre os selecionados quem será seu futuro marido.
A princesa não gosta nada da ideia, pois se acha forte e sábia o suficiente para reinar sozinha quando a hora chegar. Segundo ela, não precisa de homem algum ao seu lado para dizer-lhe o que deve fazer. Afinal, ela será a rainha. Esse foi um dos pontos que gostei na Eadlyn.
Como futura rainha, Eadlyn possui deveres reais. Assim, deve fazer o que é certo pelo seu povo. A princesa aceita a seleção, mas com a condição de que, se no final não se apaixonar por nenhum selecionado, não será obrigada a se casar. Porém, Eadlyn fará de tudo para não se apaixonar por nenhum garoto e nem deixa-los se aproximar o suficiente. A futura rainha ainda mantem bem fresco em sua mente o objetivo de reinar sozinha.

Foi muito divertido ver a seleção de Eadlyn. As confusões e atitudes que ela armava me davam raiva às vezes, e outras me faziam rir. Pela primeira vez teremos o olhar da seleção pela realeza e não ao contrário como foi com America. Esse foi um dos pontos mais positivos da história toda.
Eadlyn é uma personagem extremamente chata. Ela não é o tipo de pessoa que você se apega de primeira. Os modos mimados e cheios de meninice me deixaram muito irritada. A princesa é fria, calculista e mal educada diversas vezes. Mas, no decorrer da trama podemos ver esse muro impenetrável ruir, e uma bela dama aparecer.
Podemos ver também que muitas coisas sobre a seleção de America não foi compartilhada com Eadlyn, o que deixa a futura rainha muito infeliz e aborrecida.
Foi maravilhoso ver os “antigos” personagens mais velhos ❤ Poder ver o quanto eles amadureceram e cresceram. Apesar de não ter gostado de algumas características neles adultos. Maxon continua maravilhoso até com fiozinhos brancos! America ainda talentosa, não é tão próxima a Eadlyn como Maxon, assim podemos ver uma relação complicadinha entre mãe e filha. Aspen e Lucy esse casal maravilhoso que também está passando por problemas pessoais… Marlee e May ❤ Sem falar dos novos personagens! Os irmãos de Eadlyn são uma graça! Adoro o irmão mais novo dela haha Todo danadinho e esperto. Os filhos de Marlee moram no palácio também, fato que achei incrível! Só digo: Kile ❤

Gostei muito de alguns selecionados e alguns já se tornaram meus favoritos. Fiz até meus shipps deles com Eadlyn e outros que shippo comigo haha Ou seja, que talvez não dê muito certo com a futura rainha, mas não quer dizer que eu não vá gostar desses.
A escrita de Kiera continua maravilhosa. Toda a nova trama criada por ela ficou excelente. Preparem-se para momentos intensos, pois não é só a Eadlyn que passa por dificuldades. Isso envolve outros personagens queridos. O final foi de doer o coração! Preciso logo do próximo. Leiam A Herdeira, que apesar de uma protagonista às vezes chata, vale a pena ler.

Frases
“Você é Eadlyn Schreave. Será a próxima pessoa a governar este país e a primeira garota a fazer isso sozinha. Nenhuma pessoa é tão poderosa quanto você.”
“Há muitas coisas que fazemos não porque queremos, mas porque devemos.”
“Que princesa iria querer ao seu lado um homem que não fosse ousado?”
“O amor só servia apenas para destruir nossas defesas, e eu não poderia me dar esse luxo.”
“Só tenho um coração, e quero poupá-lo para a pessoa certa.”
“Não sei se alguém sabe o que procura até encontrar.”
“Preferiria passar a vida com medo do que admitir que eu estava assustada.”
“Considero a agressividade um sinal de fraqueza.”
“Por isso o amor era uma ideia terrível: ele enfraquecia as pessoas.”
“Quando você sabe quem é importante para você, abrir mãos de algumas coisas, e mesmo de si própria, não parece um sacrifício.”

Deixe um comentário